top of page

3 destinos roots no Brasil. Confira!

Existem diversos destinos roots no Brasil que definitivamente devem ser visitados por qualquer pessoa que queira viver o turismo de um jeito mais simples, além do óbvio. Eles representam, inclusive, uma ótima oportunidade para quem gosta de praticar o chamado turismo sustentável, uma vez que colocam o turista em maior contato com a natureza.

Mas o que, afinal, caracteriza tais destinos?

E quais seriam aqueles destinos roots brasileiros que ninguém deve deixar de conhecer?

A gente te conta tudo isso, e muito mais, no decorrer deste artigo.

Não deixe de ler até o final!

O que pode ser considerado um destino roots

O primeiro passo para fazer uma viagem para um destino roots é entender o que, afinal, vem a ser esse tipo de lugar.

E a descoberta a respeito disso tem grandes chances de te deixar com a vontade de fazer as malas o quanto antes... Aliás: fazer as malas ou, quem sabe, arrumar o mochilão.

Isso porque os destinos caracterizados como roots normalmente são aqueles que mais atraem mochileiros que estão em busca de calmaria, contato com a natureza e paisagens incríveis.

Mas estas não são as únicas características que você precisa conhecer: os destinos roots do Brasil e do mundo costumam ser, também, desprovidos de luxo.

Podem, inclusive, ser chamados de destinos rústicos, uma vez que, mesmo preparando uma infraestrutura para atender aos turistas (até mesmo aqueles um pouco mais exigentes), eles jamais perdem sua essência.

Veja, a seguir, 3 destinos brasileiros que fazem parte desse contexto, e descubra o que esperar de cada um deles.

Estes são os destinos roots no Brasil que você precisa conhecer

1. São Thomé das Letras (Minas Gerais)

Um dos destinos mais famosos da região Sul do estado de Minas Gerais, São Thomé das Letras (ou apenas São Thomé, para os mais íntimos), precisa ser citado.

Afinal, é um lugar roots, que mantém há décadas aquele ar bucólico que muitas cidades mineiras têm. Ali ninguém tem pressa para nada, e nenhum luxo aguarda os turistas, mas sim muitas cachoeiras, lendas, montanhas e um misticismo único, para ninguém colocar defeito.

Inclusive, se você também tem curiosidade para conhecer destinos místicos e hippies no Brasil, coloque São Thomé das Letras em sua lista.

2. Caraíva (Bahia)

A Bahia também possui muitos destinos roots de destaque no Brasil, sendo Caraíva um dos mais famosos.

Trata-se de uma comunidade ribeirinha localizada no Sul do estado, mais especificamente na área chamada de Costa do Descobrimento, e que abriga outros destinos de fama similar, como Trancoso e Arraial D’Ajuda.

Caraíva, porém, se diferencia de seus “vizinhos” por, até hoje, não ter se rendido a muitos luxos com os quais estamos acostumados no dia a dia.

Ali não circulam carros, por exemplo, e não há nenhum tipo de calçamento nas ruas: elas são de areia, mantendo a essência local de simplicidade.

Isso sem citarmos o fato de ser um destino democrático: tem o rio, para quem gosta de água doce, e tem o mar, para quem não abre mão de um banho de água salgada.

3. Ilha de Boipeba (Bahia)

Definitivamente é impossível falar de destinos roots no Brasil sem citar mais de um destino baiano. É o caso, também, da Ilha de Boipeba.

Mesmo estando ao lado de Morro de São Paulo, esta ilha em nada se assemelha às características de Morro, a não ser, é claro, pelas paisagens paradisíacas inesquecíveis que possui.

Aqui não há, por exemplo, o mesmo clima de agito que costuma tomar conta dos turistas de Morro.

A “vibe” aqui é outra, muito mais voltada para conexão e relaxamento.

Nada impede, inclusive, que uma pessoa faça uma viagem para Morro de São Paulo em busca de badalação e, depois, venha até Boipeba para descansar e recarregar as energias.

Afinal, o destino vizinho também tem longas faixas de areia e outros locais em que é possível relaxar. Mas está longe de ter a energia única que só Boipeba tem.

Dicas para curtir seus dias na ilha

Se você se interessou pela Ilha de Boipeba e quer vir visitá-la, é importante que se atente às dicas a seguir, para que seus dias por aqui sejam ainda mais proveitosos, no que diz respeito a ter uma estadia roots.

As dicas são:

Em relação à bagagem, foque no simples e no básico

Deixe suas roupas caras para usar em outro momento.

Para Boipeba, traga somente aqueles itens básicos de férias na praia, incluindo roupas leves e simples e um chinelo.

Pronto! Sua mala está feita: afinal, aqui ninguém precisa se preocupar com luxo.

Tente realmente se conectar

Essa conexão pode, e talvez deva, ocorrer com você mesmo, com a natureza e, ainda, com os nativos da ilha, que não se importam em separar alguns momentos para uma conversa sem pressa.

Caminhe pelas trilhas de Boipeba, por nossas ruas e nossas praias o máximo que conseguir, e com a maior abertura possível para o novo. Você irá se surpreender com essa experiência.

Escolha uma hospedagem que combine com o que você busca

Os destinos roots do Brasil são famosos por oferecerem hospedagens alternativas para quem os visita, como hostels e campings.

Mas não é por que você quer conhecer um destino desse tipo que necessariamente vá querer uma hospedagem compartilhada, por exemplo.

Nesse caso, nada impede que você fique em uma das pousadas da ilha. A dica é: escolha uma hospedagem que te deixe à vontade, e que seja de acordo com as vivências que você pretende ter.

Isso fará toda a diferença em sua viagem.

Os passeios famosos da ilha também merecem atenção

As caminhadas citadas anteriormente são apenas um exemplo de tudo o que você poderá colocar em seu roteiro, a fim de conhecer Boipeba do seu jeito, e no seu tempo.

Existe uma ampla gama de passeios dos quais você também pode desfrutar, e escolher alguns deles literalmente fará com que essa seja a melhor viagem da sua vida.

Tem dúvidas, sobre por onde começar?

368 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comentarios


368 visualizações

0 curtidas

0 comentário

3 destinos roots no Brasil. Confira!

01/06/23

bottom of page