5 trilhas em Boipeba que você vai adorar conhecer

Se você é daquelas pessoas que procura conhecer cada detalhe de um lugar e prefere fazer tudo a pé para aproveitar ao máximo a experiência, então faça estas trilhas em Boipeba!


Para quem gosta de explorar lugares e conhecer cada centímetro daquele local que está desfrutando nas suas férias, sabe o quanto é maravilhoso caminhar por aí e se sentir o dono do mundo, o desbravando, não é mesmo?


Boipeba é o lugar ideal para isso! Além de tudo que as praias da ilha já oferecem, há também os trajetos que fazem a ligação entre elas, que dão o toque que torna esta viagem singular.

Portanto, continue lendo e conheça cinco trilhas para fazer em Boipeba.


1. Outeiros e Praia das Pedrinhas


Para contextualização, Outeiros é a parte final da Boca da Barra, que é o ponto de entrada da Ilha de Boipeba. Ao passar por esta parte, você passará por uma extensão de areia que alterna entre fofa e branca e outra mais “pesada” e com um tom mais escuro. Um detalhe interessante de Outeiros.


Você também encontrará ao longo da orla, diversos coqueiros que dão a pincelada final na paisagem. Esta é uma ótima opção para quem quer alternar seu tempo entre caminhadas e tranquilidade.


Por isso, há diversas pousadas de frente para o mar, que, diga-se de passagem, na maré baixa, formam piscinas naturais.

Ao sair de Outeiros, há uma pequena trilha que leva até a Praia das Pedrinhas. Este nome não foi dado por acaso, já que o trajeto é composto por vários tipos de pedras, que embelezam o caminho até a praia. Outra opção para quem quer tranquilidade ao extremo, pois por ela ser escondida, nunca haverá aglomerações e muitas vezes você a encontrará deserta.


Por isso, Pedrinhas é o ponto ideal para quem deseja tirar fotos somente das paisagens, ao estilo “imagens para tela de computador”.


2. Praia do Tassimirim


A Praia do Tassimirim aparece logo em seguida, você pode seguir pela trilha que começa em Outeiros, sem entrar na praia das Pedrinhas, ou continuar pela própria praia na maré baixa.

Os coqueiros compõem o visual da praia. Suas águas são bastante calmas e também na maré baixa, há a formação de piscinas naturais.

Um detalhe interessante desta praia é que ela serve de desova de tartarugas, o que estimula outro tipo de turismo: o mergulho esportivo. Além deste animal, Tassimirim possui uma diversidade de vida marinha muito ampla.


Aqui, é “obrigatório” fazer o snorkeling, para ficar com os animais marinhos o mais próximo possível. A experiência dá uma perspectiva completamente diferente entre apenas observá-los e estar frente a frente com eles.


Para completar, a Praia do Tassimirim possui algumas barracas de praia para você consumir petiscos, tanto locais quanto os populares nacionalmente, enquanto você curte um banho de sol ou mar.


3. Praia da Cueira


Para quem gosta de caminhadas, a atração nesse caso, não está na parte mais popular da praia, mas sim em seu fim. Apenas para registro, aqui você não encontrará nenhuma trilha, mas uma longa faixa de areia, com o mar totalmente claro e tão calmo quanto às outras praias.

Passando a Praia de Cueira, terá o acesso ao Rio Oritibe que a pesar de não ser muito largo, precisa ser atravessado na maré baixa. E uma dica importante: percorra-o sempre com um calçado (de preferência fechado).

Após seguir por uma trilha que começa depois do rio e uma plantação de coqueiros, estará te esperando a Praia de Moreré.


4. Praia de Moreré


Eis aqui uma das praias mais procuradas da Ilha de Boipeba. Moreré é mais um local que se destaca pelas piscinas naturais, formadas entre os recifes na maré baixa. Também possui águas tranquilas e é a casa de diversos animais da vida marinha.


Por ter estas características, a Praia de Moreré torna-se mais um ponto onde é possível praticar mergulho esportivo. Para acessar as piscinas naturais (que se encontram em alto mar), é necessário utilizar lancha.


Entretanto, também há a opção de conhecer o vilarejo de Moreré. Durante a maré baixa, é possível realizar caminhadas pela sua faixa de areia. Lá, estão disponíveis barracas com diversos tipos de comida.


Caso você queira passar um ou mais dias neste lugar, é possível se hospedar por lá, pois há uma grande variedade de campings e pousadas, tanto parte interna da praia quanto na beira do mar.


5. Praia do Bainema


Mais um destino específico para quem gosta de caminhar. Ao chegar no fim da Praia de Moreré, o turista irá percorrer uma trilha, que leva em média, 15 minutos de percurso. Entretanto, o trajeto em si já é digno de aplauso tanto quanto a própria praia de Bainema.


Ao longo do caminho, diferentes tipos de árvores frutíferas e florais compõem a paisagem, misturando cores e formatos ao redor da trilha. Ao chegar, assim como a Praia das Pedrinhas, a praia do Bainema se encontra na maioria das vezes deserta.


Inclusive, independente se for alta ou baixa temporada, este é o passeio perfeito para quem deseja sossego. Desfrutar de algum lugar calmo, curtindo apenas o que a natureza tem para te oferecer.


Com uma ampla sequência de coqueiros compondo a vegetação, assim como as demais praias, possui águas completamente calmas, ainda com o “plus”, que durante a maré baixa, se formam piscinas naturais no final da praia.


Aliás, em Bainema há uma atração, que mesmo mostrando semelhança em relação às outras praias, tem aquela pitada a mais que torna única. Os coqueirais na praia nascem de tal forma que parecem ser um só, criando assim a atração dos “coqueiros gêmeos”.


Outro ponto positivo de Bainema é a forte pesca de peixes e camarões-pistola, que é propulsor da economia neste ponto turístico. Toda a produção tem como destino, a cidade (também baiana) de Valença, a 31 quilômetros de distância.

As trilhas de Boipeba que mencionamos aqui, são de intensidade baixa que permitem você chegar a lugares incríveis. E agora que você já conhece algumas delas, que tal conhecer outros dos atrativos da ilha? Confira 5 piscinas naturais em Boipeba que você precisa visitar!


262 visualizações0 comentário

262 visualizações

0 curtidas

0 comentário

5 trilhas em Boipeba que você vai adorar conhecer

08/12/21