top of page

10 dicas para mochileiros de primeira viagem

Colocar uma mochila nas costas e sair por aí viajando é uma prática muito antiga, na verdade, bem antes da criação da dita “mochila”. Basta lembrarmos do veneziano Marco Polo, por exemplo, que praticou um mix de mochilão e viagens comerciais ainda no séc. XIII, desbravando as rotas do antigo Império Bizantino e da Ásia num tempo em que uma simples viagem poderia custar a vida.

Voltando muito mais no tempo, a Arqueologia nos diz que nossos ancestrais africanos viajaram na pré-história e se espalharam por todo o planeta milhares de anos atrás, mostrando que a natureza andarilha do ser humano vem desde a origem!

Tudo bem, os objetivos nem sempre foram os mesmos. O que hoje fazemos por intercâmbio cultural e por lazer, no passado foi, na maioria das vezes, necessidade e sobrevivência. Mas com certeza também pelo prazer de viajar e descobrir “novos mundos", pois isso está em nosso DNA.

Mas se engana quem pensa que para ser um mochileiro é só colocar a mochila nas costas e sair por aí, de qualquer jeito e se aventurando. Os tempos mudaram, mas os riscos e perrengues ainda existem na contemporaneidade, e para driblá-los, é preciso planejar! Por isso, elaboramos este artigo com algumas dicas importantes para mochileiros de primeira viagem.

Esteja sempre aberto a aprender com guias para mochileiros escritos pelos mais experientes ou aqueles que já fizeram o roteiro que você está querendo realizar!

Segue a lista com dicas para mochileiros

1. O que eu ganho sendo um mochileiro?

2. Planejar é imprescindível!

3. Cuidado com orçamentos muito baratos

4. Atenção com hospedagens muito baratas

5. Atenção com alimentação e transporte muito baratos

6. Evite levar coisas inúteis

7. Viajar à noite para economizar com a dormida?

8. Documentos, dinheiro e cartão de crédito em locais seguros

9. Seguro de viagem

10. Confiar nas pessoas

1 - O que eu ganho sendo um mochileiro?

Para começar, viajar como mochileiro é a maneira mais econômica de conhecer o mundo, você não precisa ser rico para sair por aí com uma mochila nas costas. A internet está repleta de exemplos de como pessoas têm sido bem sucedidas em suas viagens usando criatividade nos planos e pouquíssimo investimento.

Além disso, é um estilo de vida que proporciona experiências culturais e históricas incríveis, pois permite um contato mais próximo com as pessoas locais, o que garante aprendizados verdadeiros e não apenas o usufruto do turismo tradicional.

2 - Planejar é imprescindível

Planejar é palavra de ordem para qualquer mochileiro, e isso começa a partir dos equipamentos e roupas adequadas para os locais onde for visitar. Conhecer seu destino antes de visitá-lo é fundamental, e nunca foi tão fácil obter informações como agora, já que praticamente todas as viagens que você pensar em fazer, alguém já fez e não faltam relatos na internet.

Portanto, leia sobre os riscos e os perrengues alheios, isso vai te fazer driblar situações difíceis quando surgirem e lembre-se sempre: aprender sempre com os que fizeram antes.

3 - Cuidado com orçamentos muito baratos

É claro que sempre buscamos melhores condições e preços, afinal de contas, somos mochileiros e queremos multiplicar nosso dinheiro em mais dias viajando. Mas é preciso cautela com o nivelar muito para baixo os custos, tanto em hospedagens, como na alimentação e transporte.

O risco de planejar um orçamento baixo e na prática necessitar de mais dinheiro pode te colocar em “maus lençóis”. Portanto, tenha sempre uma reserva para “perrengues”, afinal, seguro “morreu de velho”.

4 - Atenção com hospedagens muito baratas

Procure saber se a hospedagem barata que encontrou está situada num local seguro, se a logística é boa e está próxima dos lugares que precisa visitar. Às vezes, o que se paga de deslocamento por estar distante não compensa a economia da dormida.

Outro ponto muito importante é acompanhar os comentários de quem já se hospedou por lá, se é limpo e possui um mínimo de conforto e organização. Se a economia for apenas pela simplicidade, vá fundo!

5 - Atenção com alimentação e transporte muito baratos

É papel do mochileiro precavido se imaginar em situações muito ruins, assim evita entrar nelas! Então imagine o seguinte: Uma viagem de 15 dias e você num hospital com infecção intestinal… mas existem ainda doenças muito piores adquiridas por má alimentação e ausência da higiene necessária no preparo.

Então muito cuidado com alimentação de rua, com temperos e pratos exóticos. Em qualquer lugar do mundo, há sempre comidas regadas a temperos análogos do azeite de dendê baiano.

Quanto ao transporte, imagine o seguinte: você vai à rodoviária e vê três opções de preços para uma mesma rota e opta pela mais barata. Se fizer isso na Cordilheira dos Andes, por exemplo, provavelmente estará optando por um ônibus da década de 50, com risco do ônibus quebrar na montanha e no meio do nada, ou de ser o único turista em meio às pessoas da região.

Mas isso não é problema, o problema surge se no meio dessas pessoas tiver alguém mal intencionado, a fim de te sequestrar, por exemplo. Saiba que situações assim acontecem todos os dias e em vários lugares do mundo, então atenção!

6 - Evite levar coisas inúteis

Analise com calma a importância de cada objeto, roupas, principalmente a quantidade necessária para os dias em que estiver viajando. Lembre-se que a mochila é sua companheira que estará em suas costas em quase todos os momentos.

E se em seu destino houver trilhas, mais rigoroso ainda deverá ser o seu planejamento e estudos sobre como utilizar cada equipamento e o que levar para sua empreitada.

7 - Viajar à noite para economizar com a dormida?

À primeira vista é uma opção maravilhosa, mas é preciso alguns cuidados para que sua viagem noturna seja traduzida em economia com segurança. Primeiramente, é preciso saber sobre o local para onde está viajando, se é seguro viajar à noite.

Muitas estradas são famosas por assaltos, onde os ônibus costumam ser abordados por bandidos. Já imaginou uma economia onde está sujeito você perder tudo, ser agredido ou até perder a vida?

Não estamos sendo dramáticos, nem querendo incitar medo nas pessoas, mas chamando atenção para a responsabilidade e os cuidados que precisamos ter ao sair por aí mochilando. Melhor saber dos riscos antes, do que ser pego de surpresa, não é mesmo?

8 - Documentos, dinheiro e cartão de crédito em locais seguros

Numa viagem de mochila você pode até perder sua mochila, roupas e equipamentos, mas jamais seus documentos, dinheiro ou cartão de crédito. Portanto, guarde-os bem, de preferência, num porta-dólar, aquela espécie de pochete de pano circundada por elástico que você leva dentro das calças.

Quanto a andar com dinheiro em tempos de tecnologia e dinheiro virtual, leve apenas o necessário. Se precisar levar uma quantia maior, divida em partes e distribua em lugares diferentes, como no calçado, num bolso mais apertado, no porta-dólar, etc.

9 - Seguro de viagem

O nome já diz tudo, se você está indo para uma viagem em solitário, para um país diferente e principalmente, onde os custos com hospital são altos, a exemplo dos EUA, é imprescindível que faça um bom seguro. Leia atentamente as cláusulas e escolha aquele que se adequa melhor às suas necessidades.

10 - Confiar nas pessoas

Infelizmente precisamos dizer isso: o mundo em que vivemos não é um mar de rosas, é preciso atenção com os novos amigos, principalmente com aqueles muito eloquentes e persuasivos.

Não confie dinheiro, pagamentos, ou acredite em tudo o que ouve dos novos amigos, principalmente se as conversas girarem em torno de situações que te coloquem em condições desconfortáveis e de risco, como sair à noite, tê-lo como guia por lugares distantes e isolados, entrar em seu carro para uma carona, ou propostas muito mais baratas que o mercado oferece.

Neste post escrevemos com a dose certa de franqueza, buscando lhe trazer ao máximo para a realidade e riscos que costumam existir para qualquer mochileiro. Se você curtiu este artigo, continue conosco e saiba mais sobre nosso blog, ele é renovado mensalmente com dezenas de textos como este, que visam ampliar seus conhecimentos sobre viagens e destinos.

57 visualizações0 comentário

Comments


57 visualizações

0 curtidas

0 comentário

10 dicas para mochileiros de primeira viagem

03/10/23

bottom of page